Página Inicial


 
PET'S SHOP
FAÇA SUA LOJA
PET ID
ADOTE UM PET
ACHADOS  PERDIDOS
PET MATRIMONIAL
PET TRAVEL
EVENTOS
CLUBE PETFRIENDS
PET'S E FAMOSOS
EXÓTICOS CURIOSOS
CONTOS  HISTORIAS
FILMES
OPINIÕES PET'S
CAMPEÕES 
TV PET FRIENDS
ENCONTROS
NUMEROLOGIA
CONSULTA ON-LINE
MUNDO VETERINÁRIO
FÓRUM
ONDE ESTAMOS
CHAT VET
FAÇA SEU SITE
CÃES
GATOS
PEIXES
AVES
RÉPTEIS
OUTROS
POSTAIS ON-LINE
JOGOS
PET'S FAMOSOS
PARA COLORIR

Um bicho que vive pulando

   
    
    Eles vivem pulando. Conseguem saltar até 10 metros de altura. São encontrados na Austrália, Nova Guiné e em algumas das ilhas próximas como a Tasmânia. Esse é o canguru, um mamífero da ordem dos marsupiais.
    Ele é considerado o mais conhecido dos marsupiais e são classificados dessa forma pois as fêmeas têm uma bolsa onde ficam os filhotes. Nessa bolsa chamada de marsúpio, que fica no ventre da mãe, o filhote completa o seu desenvolvimento e também mama. Quando ainda são bem pequenos em fase de formação, saem do útero materno e vão para a bolsa onde ficam lá até estarem totalmente formados. Lá eles ficam totalmente protegidos e conseguem sentir o calor da mamãe canguru.
    A cauda desse bicho serve para o equilíbrio no momento em que ele está pulando. Um canguru mede geralmente 1,50 m e 1,80m de altura e pesa entre 23 a 70 Kg. Ele se alimenta de frutas e vegetais. O animal tem pernas bem compridas, ao contrário de seus braços, que são bem curtos. São mais encontrados na cor bege acinzentada.
    Existem cerca de 70 espécies de canguru, sendo que todas possuem patas traseiras muito fortes para poder dar os famosos pulinhos. Acredita-se que esse animal tenha aparecido na Austrália há cerca de 15 milhões de anos.

 

Que cheiro ruim!


    Perfume de gambá. Só em pensar nesse cheiro logo você começa a imaginar um cheiro ruim e forte. A fama é em função do forte odor que esses animais exalam. Entretanto, eles apenas soltam esse "perfume" quando se sentem ameaçados.
    O cheiro vem de um líquido produzido por suas glândulas odoríferas que ficam próximas ao ânus. Essa substância pode ser usada para a defesa contra os seus predadores e quando é expelida é dirigida ao inimigo. Em algumas situações, quando está sendo perseguido, o bicho se finge de morto e expele a secreção com cheiro.
    Já as fêmeas quando estão no período do cio podem também exalar esse líquido mal cheiroso que é muito fácil de ser reconhecido.

Nem sempre o leite faz bem para o seu gato


    Nada mais gostoso do que ver o seu gatinho tomando uma  tigela de leite. Apesar do animal admirar leite, nem sempre é bom  oferecer esse alimento para o bichano. Grande parte dos gatos  tem intolerância ao leite e têm dificuldade em digeri-lo. O alimento  acaba atuando como um laxante e causando diarréia.
    Apesar do leite ser essencial na dieta de filhotes  recém -nascidos e gatas que estão amamentando seus filhotes, sempre é bom moderar.
    Para que o animal não tenha problemas, o ideal é evitar o leite  após o desmame, com aproximadamente 45 dias, pois o leite é  dispensável para os gatos adultos. Mas, se o seu gato gostar  muito de leite tente oferecer em pequenas quantidades.
    Com uma alimentação balanceada de acordo com a idade e  condições físicas, o bichano terá uma melhor qualidade de vida e  viverá durante mais tempo.

 

Cuidado com a iluminação do aquário

    
    
A iluminação em um aquário é importante não apenas para a decoração, mas também tem uma função biológica para esse pequeno ecossistema. Geralmente a lâmpada é usada para imitar a luz do sol.
    Essa simulação da luz é necessária pois é ela que faz a fotossíntese das plantas e algas. Com esse processo, ocorre a oxigenação da água evitando assim a asfixia dos peixes.
    A iluminação também controla o relógio biológico dos animais. Ela é a responsável por fixar no organismo do peixinho a protovitamina e o cálcio, essenciais para os animais.
    O indicado é deixar a luz ligada por 12 horas diárias e o restante do dia apagada. A lâmpada deve ser deixada a cerca de 10 cm da água. Porém, um período muito longo de exposição à luz pode causar problemas como o crescimento acelerado das algas.

Veja matérias anteriores

 

inicio l quem somos l cadastre-se l contato
Copyright© 2003 PetFriends. Todos direitos reservados. All rights reserved